Descubra em qual idade as pessoas são mais suscetíveis ao suicídio

Descubra em qual idade as pessoas são mais suscetíveis ao suicídio

As pessoas são menos felizes e correm maior risco de suicídio durante esses anos.

As pessoas de meia-idade estão em maior risco de suicídio, mostra a pesquisa.
O risco é alto entre as mulheres de meia-idade,
Pessoas de meia-idade são aquelas na faixa dos 40 e 50 anos, correm o dobro do risco de suicídio do que as de 30 ou 60 anos.
Os resultados estão ligados a pesquisas de felicidade que mostram que as pessoas estão no ponto mais baixo, em média, quando se aproximam dos 50 anos.
O professor Andrew Oswald, primeiro autor do estudo, disse:

"O suicídio entre as pessoas de meia-idade, nas sociedades mais ricas e seguras já conhecidas na história da humanidade, é um grande paradoxo e uma preocupação de política pública.
Não só isso importa em si, mas também um marcador de um fenômeno mais amplo de sofrimento da meia-idade.
O que está acontecendo de errado na vida das pessoas no final dos anos 40, quando os indivíduos tendem a ser prósperos, saudáveis e no auge de suas forças?"

Os autores do estudo referem-se ao Dr. Elliott Jaques, o psicanalista que primeiro propôs a "crise da meia-idade":

"Jaques argumentou que na meia-idade a pessoa típica começa a prever a morte e a avaliar o significado de sua própria vida. Durante meio século, a ideia encontrou ceticismo e, às vezes, escárnio dos cientistas. Em discussão pública, no entanto, a ideia ganhou terreno… "

A razão para o aumento do risco de suicídio na meia-idade é desconhecida, mas os autores do estudo especulam:

"Pode estar ligado a aspirações de vida frustradas, e deve presumivelmente haver algum tipo de conexão com a saúde. Não se pode culpar as crianças pequenas em casa, o colapso conjugal ou o desemprego na meia-idade; controlar por isso, estatisticamente, faz pouca diferença."

Outros pesquisadores fazem um argumento econômico.

O professor Angus Deaton, que é autor de um estudo sobre um mergulho na meia-idade em satisfação com a vida, diz que isso pode resultar em muito trabalho:

"Este é o período no qual os salários normalmente atingem o pico e é o melhor momento para trabalhar e ganhar mais, mesmo às custas do bem-estar atual, de modo a aumentar a riqueza e o bem-estar mais tarde na vida."


Referência: Female Suicide and the Concept of the Midlife Crisis

compartilhe:
Psicóloga Juliana Gonçalves Oliveira Guedes
Formada em Psicologia pelo Centro Universitário UNA. Atua como psicóloga clínica em consultório particular..

Artigos recentes:

3 Comments

  1. Donec sed odio dui. Nulla vitae elit libero, a pharetra augue. Nullam id dolor id nibh ultricies vehicula ut id elit. Integer posuere erat a ante venenatis dapibus posuere velit aliquet.

  2. Integer posuere erat a ante venenatis dapibus posuere velit aliquet.